quarta-feira, 7 de agosto de 2013

Mecânica para Quatro Braços

      Há pouco tempo o Mais de Mil Dados publicou a adaptação de duas raças de Darksun para Tormenta RPG, os Mul e os Thri-kreen, (se você  não viu, não perca tempo e vá já conferir aqui). Hoje vamos falar um pouco mais a fundo a respeito da mecânica da habilidade Quatro Braços, dos Thri-kreen, que foi desenvolvida de forma a ser usada em qualquer raça jogável. Antes de mais nada, observe a imagem ao lado; ela foi representa a base sobre a qual a mecânica foi desenvolvida e serve para entender mais fácil.

      É bem visível que par de braços inferiores é bem menos robusto que o superior e é evidente concluir que ambos são menos potentes que os de cima. Dá até pra imaginar que sejam menos utilizados no seu dia à dia por causa disto,  o que provavelmente os torna menos hábeis. Em termos de mecânica de jogo, é provável que ambos sejam braços inábeis da criatura. Se você conhece bem jogos de RPG do sistema D20, deve estar familiarizado com o conceito de braço hábil e braço inábil. Este conceito nasce do pré-suposto de que nenhum personagem do jogo é naturalmente ambidestro, sabendo usar os dois braços com igual proficiência.


      No entanto, quando falamos de raças com múltiplos braços este conceito não necessariamente se aplicará da mesma forma. Uma criatura fictícia com múltiplos braços poderia até mesmo ter somente braços hábeis, afinal já nasce tendo que lidar com um monte deles. Nós humanos temos um tipo de aptidão, mas outras raças provavelmente teriam sua própria fisiologia e aptidões se existissem de verdade. Com isto em mente, a habilidade Quatro Braços foi desenvolvida partindo do pressuposto de que ambos os dois braços superiores sejam hábeis, e ambos os inferiores inábeis, como a imagem acima sugere. Mas vamos dar uma olhada na descrição da habilidade e tentar entendê-la de forma objetiva.


Quando o Goro fala que vai sentar o braço, a porra fica séria.

Quatro-Braços

  • Quatro braços. Por possuir dois pares de membros extras, todos os membros dessa raça podem empunhar uma segunda arma de uma mão, sendo esta no lado contrário do corpo à  arma normal, e fazer um ataque extra por ação padrão com penalidade de -4. Talentos que afetam a mão inábil, afetam o segundo par de mãos. O talento ataques múltiplos diminui essa penalidade para -2.


      A ideia é simples: ter um segundo braço hábil te permite fazer um ataque extra, e talentos que são usados para o segundo braço de uma criatura normal afetam ambos os outros braços do ser quatro-braçudo. Com isso se ele tiver o talento combater com duas armas, vai poder fazer dois ataques extras com esse talento, num total de quatro ataques por ação padrão. E é só somar a penalidade do talento com a da habilidade e pronto, nada de complicações (difícil é só acertar alguém com -8 de ataque, mas isso se resolve mais tarde).

      Já outras coisas podem ser um tanto confusas no primeiro momento, como por exemplo se você quiser usar escudos ou armas de duas mãos ou combinar outros talentos. Nesta hora é fácil de cometer deslizes, então resolvi abordar alguns dos assuntos que me parecem pertinentes e que podem gerar confusão. Vamos dar uma olhada neles? Tenho certeza que algumas coisas serão bastante interessantes pois são bastante inusitadas e conhecê-las de antemão pode ajudar bastante na hora de criar seu personagem, evitando equívocos e más interpretações.

Duas armas de uma mão naturalmente, sem talentos e com mais dano.

Itens e Equipamentos

      Itens: é preciso esclarecer um detalhe, o que você ganha é um ataque extra, não uma ação padrão extra. Usar itens como poções e varinhas requer  uma ação padrão, então não importa se você é o Edward Elric com o automail quebrado ou o Goro do Mortal Kombat, você vai poder usar um e só um item por rodada e acabou-se. O número de braços não importa para isto.

      Escudos: em TRPG há uma regra que nos diz que não podemos usar 2 escudos, mas isto não é tudo que podemos fazer. Mesmo ocupando as duas mão hábeis com armas e uma das inábeis com um escudo, você ainda terá outra mão inábil livre para conjurar livremente ou manipular itens. Útil, não? Usar duas armas de uma mão (um machadão, arco, etc.) junto com um escudo e ainda ter uma mão de sobra para emergências não é para todo mundo. (Mas creio que alguns mestres podem querer restringir o uso de escudos a algumas mãos em específico no caso de combinações com certos talentos, embora não existam regras para tal.)

      Armas de Uma Mão: você pode usar 2 armas naturalmente e fazer 2 ataques na rodada com uma penalidade de -4 de ataque em ambos, igual ao que um personagem normal faz com o talento Combater Com Duas Armas. Mas você tem uma vantagem, sua segunda arma não é uma arma leve e sim outra arma de uma mão, o que lhe dá uma pequena vantagem de dano. (E lembra que você ainda tem 2 mãos livres para usar um escudo e conjurar ou usar itens? Pois então.)

      Armas de Duas Mãos: esta é legal, você pode usar uma arma de duas mãos e ainda tem 2 mãos livres para usar um escudo e conjurar ou usar itens. Imaginou um personagem com um machadão ou arco, e mais um escudo e uma mão livre sobrando? Pois é, esta mais uma das coisas que só você e ninguém mais pode fazer. Além disto, há uma forma exótica de empunhar estas armas a qual chamamos de empunhadura lateral e que sofre uma penalidade de -4 de ataque (cumulativa com qualquer outra) devido à forma pouco prática com a qual o personagem segura a arma. Com ela é possível usar 2 armas de duas mãos naturalmente, uma de cada lado do corpo, e fazer 2 ataques por ação padrão somando as penalidades pertinentes. Esta regra faz parte do conjunto de regras que criamos para a habilidade Quatro-Braços e está descrita no talento Empunhadura Lateral na matéria com a adaptação dos Thri-kreen.


Talentos e Combinações

       Combater com Duas Armas: este talento nos dá a possibilidade de usarmos duas armas leves no braços inábeis. A combinação mais básica de armas permite que usemos 2 armas de uma mão e 2 armas leves, fazendo 4 ataques por ação padrão com penalidade de -8 de ataque. Com a versão maior deste talento e Ataques múltiplos a penalidade cai para -2, no entanto.
Monge com Combater com Duas Armas

      Também é possível usar 1 arma dupla com as mãos hábeis e 2 armas leves com as inábeis, também com -8 de ataque. Com a versão maior deste talento, Ataques múltiplos e o talento Arma Dupla a penalidade cai para -0 (mas você tem que ser um Thri-kreen de Sambúrdia, da União Púrpura ou das Montanhas Uivantes, haha).
Arma dupla + duas armas leves.
       Arma Secundária Grande: com este talento podemos usar armas de uma mão nas mãos hábeis e aumentar um pouco nosso potencial de dano. Essa é uma forma de criar aquele personagem mestre das espadas que muita gente tem em mente, usando 4 espadas de uma mão. Também dá para viabilizar o uso de 2 armas de 2 mãos como na imagem abaixo, mas note que neste caso o ataque extra (e sua penalidade) fornecido pela habilidade Quatro-Braços não será usado, já que o braço hábil adicional está carregando a primeira arma.
O Thri teve acesso às mãos inábeis e aumentou a categoria da arma, podendo usá-los com uma arma maior.
        Empunhadura Poderosa: este talento não tem restrições em seu efeito e abrange todos os braços de uma criatura, aumentando a categoria de tamanho da arma que podemos usar em troca de  uma penalidade de -2 de ataque, então podemos usá-lo para criar situações bem bonitas combinando-o com os talentos acima. O problema fica só na efetividade dos combos, já que as penalidades de ataque vão ser sempre altas devido ao seu acúmulo. 

     Empunhadura Lateral: é difícil notar inicialmente, mas a mecânica Quatro-Braços permite usar 2 armas de duas mãos já de cara e sem talento nenhum, sendo uma em cada lado do corpo. Porém devido à forma estranha e pouco prática de segurar a arma desta forma, esta postura impõem uma penalidade de -4 de ataque, útil também para equilibrar a habilidade (pois sem essa penalidade você mandaria 2 ataques com armas de duas mãos sem usar talento nenhum e com a mesma penalidade de um humano lutando com duas armas, porém as dele são uma arma de uma mão e uma leve, não duas malditas armas de duas mãos). Com este talento, essa penalidade é reduzida a 0 e este estilo de luta torna-se viável, pois você terá apenas -4 de ataque para fazer seu ataque adicional. Se for combinado com Ataques Múltiplos, a penalidade cai para -2.

A união faz a força, harharhar. =)

Finalizando

      Claro que existem ainda inúmeras outras combinações de talentos, habilidades e equipamentos curiosos, mas creio que com estes exemplos já será bem mais fácil de você determinar o que acontece. É só ir aplicando as penalidades e efeitos pertinentes sobre cada caso e tudo ficará bem. Mas uma última dica, antes de encerrar. Creio que qualquer um possa ver claramente que ter quatro braços é uma vantagem bem forte, então caso você queria colocar esta vantagem em alguma raça que esteja criando ou adaptando, lembre-se de equilibrar as outras vantagens dela de forma não haja necessidade de Ajuste de Nível. É sempre melhor proceder desta forma, pois você vai poder usar sua raça em campanhas de nível 1, além de não perder as habilidades dos últimos níveis da classe se usar as regras épicas de TRPG.

      Então espero que estas dicas tenham sido úteis para entender o que é possível e o que não é, e principalmente como é que se faz cada coisa. Em caso de mais alguma dúvida é só deixar um comentário que a gente responde assim que possível.

     Até a próxima galerinha do mal. ; )

14 comentários:

  1. Excelente, acho que vai ter mais gnt jogando de thri-kreen agora haha

    ResponderExcluir
  2. Tomara! =D Meu próximo chefe de fase eu vou usar essa mecânica, talvez seja um Thri.

    ResponderExcluir
  3. As mecânicas ficaram até boas, mas faltou inserir a raça em Arton. Essa é uma raça exclusiva do mundo de Athas e deveria haver uma razão muito boa para que chegasse a outros mundos, acho que, para quem não conhece Dark Sun, a raça ficaria banalizada e não se aproveitaria excelentes opções de roleplay que ela apresenta.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Você chegou a ver o post sobre as raças de darksun? http://athousanddices.blogspot.com.br/2013/07/de-athas-para-arton-duas-novas-racas.html
      Da uma olhada ai Dan, abçs

      Excluir
  4. O interessante é que aparentemente os Thri-kreen serviram de base para a raça dos Mantids de World of Warcraft:The Mists of Pandaria . Eles tem uma notável semelhança entre si : Vejam :

    http://pureawesome.net/wow/111026_mantidheader.jpg

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Porque exatamente os thri-Kreen? Quantas raças insetos parecidas existem na ficção? Warcraft pode ter feito um apanhado geral disso...
      E a mecânica de 4 braços é legal para qualquer raça nova que a use por isto achei importante, mas não fico confortavel com se ficar inflando um cenário com raças exclusivas de outras é meio forçação de barra né mas é opnião própria minha mesmo.

      Excluir
    2. Quando o Pedro Henrique veio falar comigo sobre adaptar eles para Tormenta RPG eu me fiz a mesma pergunta. Foi meu primeiro contato direto com ele, e fiquei imaginando qual era a moral dessas formigas, pois só conhecia Dark Sun pelo nome. Trabalhando com eles acabei por simpatizar com a raça, e acho ela uma opção interessante e que se encaixa bem entre as outras raças monstruosas: homens serpente, Trogs, Nagahs, etc. Então creio que é legal deixar a opção aí para que cada um decida se os quer no cenário ou não. ;)

      Quanto à mecânica, que bom que gostou dela. =D

      Excluir
  5. Excelente qualidade, como sempre!

    ResponderExcluir

Qualquer forma de agressão, ofensas, desrespeito, discussões, preconceito racial, sexual, religioso ou ético, será banido. Somos jogadores de RPG, e não de futebol... E se você é Troll eu sou Elfo (Away)