terça-feira, 23 de julho de 2013

Diario de Campanha TRPG T4e3: The End

cemitério de antigos personagens do grupo
É meus amigos, hoje venho fazer o ultimo diário da nossa campanha de Tormenta RPG. Foi mais de um ano jogando essa que foi a melhor campanha que já mestrei, conheci pessoas, fiz amigos e contamos grandes histórias juntos. Mas é assim que a vida funciona, e o RPG também; uma hora tudo acaba.

Continue lendo para saber mais


O grupo:

Pepé - Legolas, o Imortal, Elfo Ladino 6/ Mestre armeiro 9 - Sobrevivente de um antigo grupo de aventureiros e um exímio armeiro. Vive em Valkaria com a sua loja, procurando aventureiros dignos de ajuda-lo a enfrentar a Aliança Negra.

Machadinho - Zia Allin, Anão Druida 12 - Anão largado criança em uma floresta, usou seus instintos de minerador pra poder sobreviver em cavernas da ragião. cercado um dia por goblinoides, foi ajudado sem nenhuma explicação por um tipo de dragão, não convencional que o ajudou e hoje é seu melhor amigo. Aprendeu a viver e lutar na floresta, suas magias e seus segredos, e com a benção de Allihana ele segue sua vida em aventuras sem deixar suas origens e sempre protegendo a floresta.

Roceiro - Ultor Tenebris, Meio-Elfo lâmina maldita 7/ assassino 6 -Ultor foi abandonado quando criança por trazer um horrível azar a todos que se aproximavam: pais, avós, tios, animais, nada durava muito perto dele. Um velho elfo (imagina como era velho) o encontrou e ajudou o garoto a crescer, contava histórias fantásticas ao garoto e o ensinava, aos poucos, a controlar seus poderes. Um dia a hora chegou e Ultor partiu, queria conhecer o mundo e vive tentando controlar seu lado carniceiro.

Decapitado - James Bouceiro, Halfling Swashbuckler 13 - Um halfling bonitão que tinha uma vida perfeita m Hongari, mas ele era diferente de seus irmãos. James nunca quis ficar em casa, vivia ouvindo histórias de gigantes (que depois descobriu que não eram tão gigantes assim) e queria conhece-los. Acabou virando um swashbuckler, mesmo baixinho chama atenção e é difícil lutar com ele e suas pistolas.

Mudo - Loreon, Elfo Ranger 5/ Franco Atirador 7 -Loreon é um elfo arqueiro arcano, andarilho das terras do norte (Arton), desde que seu continente foi dominado pelas hordas de goblinóides. Seguiu sua viagem até encontrar Legolas, antigo conhecido seu de Lanmor, e então se uniu ao seu grupo de aventureiros.

Para os interessados nas aventuras anteriores é só clicar nos links abaixo:

1ª Temporada

Episódio 2 - um Bardo, um Barbaro e um Bebê
Episódio 3 - O anão e o Templo de Tauron
Episódio 4 - O Adeus
Episódio 5 - A Área de Tormenta
Episódio 6 - Desafiadores da Tormenta
Episódio 7 - A Fortaleza de Destrukto
Episódio 8 - Os Reis do Cagaço
Episódio 9 - O Observador

3ª Temporada

Episódio 1 - 2 Anos Depois
Episódio 2 - A Reunião
Episódio 3 - O Dragão Imortal
Episódio 4 - Vilões
Episódio 5 - Morte em Família
Episódio 6 - A Torre do Mago
Episódio 7 - A Fábrica de Monstros 
Episódio 8 - A Aliança Élfica

4ª Temporada

Episódio 1 - Um Novo Começo
Episódio 2 - Nem tudo é o que Parece ser 

Voltando ao castelo

Os aventureiros armam um plano: voltar para o castelo fingindo que o lich fora capturado, dividiram a cabeça do resto do corpo e seguiram para o local. Usaram uma magia de Zia para se locomover entre as árvores e chegaram quase que imediatamente ao local, era dia e Raziel não estava. Encontraram apenas com Maksor, mas preferiram o ignorar, por enquanto.

Zia foi explorar a floresta nos arredores com a cabeça do Lich, enquanto o grupo ficou num pequeno cemitério da propriedade, o corpo do lich ficou numa cova aberta. O druida explorava a floresta com Gaiwan, ambos discutiam sobre as diferenças na natureza de seus dois mundos até encontrar um cano, dele saia um líquido sujo, era o esgoto que jorrava direto num corrego próximo.

Resolveram investigar o local e entraram no lamaçal de fezes que era o lugar, seguiram por um tempo até chegar a uma sala com anotações e alguns indícios de um local de tortura e resolveram voltar quando o Lich sentiu algo no seu pé. Enquanto isso, do lado de fora do castelo, Maksor aparece para encontrar o grupo e tirar um pedaço de Gaiwan para estudo. Legolas insiste que ninguém vai mexer no corpo até que o samurai apareça, o mago diz que contratou eles e pode fazer o que quiser. É ai que começa a merda.

Legolas empurra o necromante que revida com uma magia de sono - elfos são imunes a essa magia - e retira um pedaço da unha podre do corpo. Loreon, então, saca quatro flechas e ataca, mas uma magia de proteção faz as flechas voltarem e quase matar o elfo; Legolas levanta e destrói o inimigo com o mosquete. Era um receptáculo, um corpo vazio e sem utilidade, não era o verdadeiro Maksor e agora o plano foi descoberto.

Comentários
  • Muito bom, eim Legolas?
Explorando o Castelo
um dos poucos mapas do castelo Ravenloft que usei
Logo após a morte de Maksor, uma estranha névoa começou a se formar próximo ao castelo. Começou bem fina e se tornou mais densa com o passar do tempo. Zia encontrou o grupo e decidiram que deviam mudar sua estratégia. Todos seguiram pelo poço na floresta, enquanto entravam sentiram-se observados de longe. Alguns conseguiram ver uma silhueta humana nas arvores, mas ela não se manteve parada por muito tempo, descendo a arvore e fugindo em direção ao castelo.

Seguiram pelo túnel fedorento até a sala cheia de anotações, lá destruiram uma estátua - pessoas previnidas hahaha -  e descobriram que o lugar direcionava a uma sala de tortura estranha. Uma varanda com dois tronos se erguia 3 metros acima de um poço com água suja, não passava da canela de um homem, mas o objetivo era esse. Do meio da água várias mesas de tortura, caixões e outros instrumentos se erguiam; a água suja infetava os ferimentos de quem fosse torturado e deixava-o mais manso para a fala, criativo né? Resolveram não seguir por esse caminho, preferiam achar logo o vampiro e seguiram por uma escada escondida.

A escada levava a um andar sem janelas onda a névoa cobria o chão. O andar tinha vários comodos com camas e outros intrumentos de tortura, era estranho andar naquele andar e imaginar os planos de Raziel. Foram atacados por 6 inumanos enquanto andavam pelos corredores, a luta foi fácil, mas os inimigos davam níveis negativos, isso nunca é bom.

Continuaram explorando até encontrar um laboratório especialmente difícil de abrir - a porta soltava a magia toque chocante, o Mateus (Zia) ganhou um ponto de ação por usar o machado do Lich para absorver o dano e abrir a porta. Era um quarto escuro, a única luz era proveniente das poções fluorescentes do lugar. Lá haviam muito ingredientes e estranhos corpos sem sexo e sem feições pendurados na parede. Usaram o local para fazer um unguento que aumenta a resistência a ferimentos (pele de pedra) e seguiram caminho.
A noite já caia quando o grupo achou uma pequena capela dentro do castelo. Ao entrar, iluminados pelos raios da lua enevoada, viram Raziel subindo uma escada em espiral ao fundo. Seguiram o vampiro rapidamente até o terraço do castelo.


Comentários:
  • essa é uma versão bem resumida do que aconteceu na minha aventura, o grupo chegou a achar caixas com moedas de prata que usaram para fazer a poção, entre outros pequenos eventos. Como eu disse, eu me baseei bem pouco no caselo ravenloft porquê não tenho paciência para colocar milhões de combates antes do fim da aventura, prefiro coisas mais diretas.
  • Quando chegaram na catedral estava tocando a musica tema do Zod do filme homem de aço. OUÇAM!
A Batalha Final
Um vampiro samurai nunca vai ser algo bom
Subindo a escada o grupo se vê a poucos mestre de Raziel, o vampiro e Legolas trocam alguns insultos enquanto aliados do vampiro aparecem. Eram seis contra seis, os aventureiros enfrentariam Raziel, Maksor (necromante Lich, antigo personagem do grupo), Zargolloff (Meio-elfo que voltou a vida como um escravo de Raziel), Green Peace, Hector (ambos aliados do Lich Gaiwan, personagens de uma campanha antiga) e Godriki (humano druida imune a crítico que voltou a vida como escravo).

Desde o começo o combate não foi fácil e não foi pensado para ser, Raziel se manteve pronto, esperando que seus aliados minassem as forças dos inimigos. Zargo foi o primeiro a cair, Legolas e Loreon prefiram não arriscar com a pontaria do arqueiro. Hector invocou um portal de onde sairam tentáculos negros que mantinham os personagens presos numa área delimitada, Maksor e Godriki também lutavam com magias. Gaiwan chamou seu dragão e Zia também, lutando para sair da área.

O mosquete do ladino foi destruído com magia, ele teve que usar seus truques do cinto para consertar e usar em combate. Todos usaram todos os recursos que possuíam, Ultor derrubou Green com um veneno paralisante, mas a situação era ruim. Maksor derrubou os dois dragões sozinho com um golpe em cada (dedo da morte e paralisia de Lich). Zia investiu e matou o druida inimigo enquanto seus amigos eram cercados por esqueletos arcanos invocados com magia.

O combate foi emocionante e completo. TODOS, incluindo os NPCs, usaram todos ou quase todos os seus recursos, cada vez que caia um de um lado, caia do outro e assim foi. Teve um momento que Raziel fora cercado por Ultor, Zia e Gaiwan, mas ele fez todos errarem seus ataques os desarmando e queimandos com fogo foram derrotados.

A luta seguiu por muito tempo, caindo um por um, até que, no fim, Raziel estava de frente para Legolas. O ladino tentou atacar com seus mosquete, mas foi em vão, sua pele sentiu a lâmina quente e morreu. O elfo virou um instrumento de um vilão, como todos os seus novos e antigos amigos.

Fim

Comentários:

  • Sim, o próximo chefe de fase MEU vai ser o Raziel e o Maksor. Preparem-se para enfrentar inimigos poderosos.
  • Luta foi FODA, infelizmente o grupo perdeu, mas foi sensacional ver eles quebrando a cabeça e montando estratégias.
Deixo aqui um adradecimento final a todos os meus amigos que jogaram durante essa campanha e a todo leitor que acompanhou a campanha, um dia voltaremos para mais uma hahah Até mais, amigos.

Musicas usadas:
  • Todas as musicas de combate do Skryim
  • Tema do General Zod do Homem de Aço
  • City of Dead do Darksiders 2



Abraços ou beijos

    6 comentários:

    1. Cm assim fim? E que campanha eu vou ler pra me inspira?! T_T

      ResponderExcluir
    2. Voto em uma campanha nova pelo skype, quero surrar um certo bugbear

      ResponderExcluir
    3. Na moral, vc precisa começa outro diário de campanha de TRPG! Acabei de ficar órfão, hauauhuahua!!!

      ResponderExcluir

    Qualquer forma de agressão, ofensas, desrespeito, discussões, preconceito racial, sexual, religioso ou ético, será banido. Somos jogadores de RPG, e não de futebol... E se você é Troll eu sou Elfo (Away)