terça-feira, 5 de junho de 2018

RPG no Discord: Um breve tutorial

#paganós
No ano de 2017 eu resolvi iniciar uma mesa de 3D&T Alpha depois de me empolgar muito jogando Legend of Zelda. A campanha está rolando (clique aqui para ler o nosso diário), mas como anda devagar eu preferi ir enrolando o diário também. Graças à sugestão de um de nossos jogadores, o Raul, resolvemos jogar pelo Discord.

Depois de meses de experiência, posso dizer que é minha ferramenta preferida para narrar uma mesa online. Falta uma função de mapa como o Roll D20, mas para sistemas que não necessitam disso é perfeito. Por isso, hoje nossa postagem serve de tutorial desse programa.





Iniciando


Criar um servidor no Discord não é difícil, assim como adicionar os jogadores no servidor. Tudo bem intuitivo, com opções do lado esquerdo para criação de abas e de nomes para o servidor, enquanto aqueles que participam ficam do lado direito. Uma vez adicionados, é possível clicar com o botão direito e mudar o nome dos jogadores para apelidos dentro daquele servidor, aqui nós usamos os nomes dos personagens.

Repare na foto ao lado que além da minha coroa maravilhosa (que representa que criei o server), temos também um Bot. Esse bot serve para rolagens de dados através de códigos, por exemplo:

/r 1d6+2

/r é o comando da rolagem, logo depois você adiciona o dado e modificadores. É possível usar sinais matemáticos para modificadores diversos. Pra facilitar, o link do bot está abaixo, baixá-lo é bem de boa.

Rolagem de Dados


Abas

O Discord possui um infinito de abas que podem ser criadas, tanto para discussão em texto quanto para chat de voz. Inicialmente eu criei as abas #off e #xp. Na primeira nós falamos besteira e deixamos a rolagem durante a sessão em si; enquanto na segunda eu coloco o xp e o tesouro que os jogadores pegaram durante a sessão. É nela também que os jogadores postam suas fichas atualizadas, caso alguém falte ou eu queira consultar.

Tive a ideia também da aba #jogo-em-texto como uma ideia de agilizar o jogo durante a semana. A ideia é cortar gordura, rolamos mais viagens e testes de perícia ali. Mas as vezes rolam combates. As vezes o jogo flui muito bem assim, outras não, então eu cogito garantir um pouco mais de XP pra quem participa do jogo assim.

As outras abas serviram para cenas esporádicas quando os personagens estavam separados. A #loja e a #casa no entanto, foram ideias minhas e dos jogadores para adiantar o jogo. Ao invés de rolar cenas de lojinha, eu posto o que existe no mercado das cidades ali e os jogadores compram quando podem. Como eles podem se teletransportar, optei por fixar as postagens de cada cidade, eles só respondem ali se forem comprar alguma coisa. A casa literalmente é uma casa que todos compraram juntos, lá eles deixam itens que não estão carregando e agora um cachorro que andava como aliado deles.

Os canais de voz não tem segredo. O primeiro é pra campanha mesmo, o segundo foi criado a pouco tempo numa cena que os jogadores estavam separados.



Acredito que dependendo da campanha a necessidade de canais de voz e chat serão diferentes.  Mas é muito bom poder cortar certas coisas que enrolavam o jogo e de alguma forma a interface de abas me lembra jogos de video game e computador. Como confio nos meus jogadores, a parada funciona e sempre fica divertida. A reação dos produtos de certas cidades que visitaram foi foda e a negociação se estende durante a semana, mantendo um engajamento legal na história, mas sem tirar o nosso tempo escasso de jogo.

Jogando o Jogo


A hora de jogar não tem muito segredo. Eu tento chamar os jogadores pelos nomes dos personagens pra manter a fantasia do jogo a todo momento, o fato de todos verem os ícones um do outro com os nomes dos personagens ajuda. Nós rolamos tudo na parte de Off, geralmente tudo que devia ser comprado ou evoluído já foi resolvido durante a semana.

Como o jogo é online, nós nos reunimos durante poucas horas e já mudamos o horário algumas vezes de acordo com a disponibilidade de todo mundo. Nossa mesa é bem variada, temos jogadores da Bahia, daqui do interior do Rio e um dos nossos está jogando direto da Austrália.

Se ficou alguma dúvida, pode nos perguntar na sessão de comentários abaixo. Espero ter ajudado e te inspirado a experimentar mestrar ou jogar uma mesa pela plataforma, até como uma mesa secundária. Vai que você gosta.


Abraços ou beijos

7 comentários:

  1. Muito interesante... ainda não conhecia essa plataforma para jogar online

    ResponderExcluir
  2. Bacana a socialização do tutorial.

    Prof. Gilson

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Valeu, tenta usar a plataforma depois

      Excluir
    2. Jogo presencial apenas, desde 1992. Mas socializarei com os mais jovens. Grato.

      Prof. Gilson

      Excluir
  3. Gostei muito. Bem organizado.
    Será que encontro bots pra rolar dados de storyteller?

    ResponderExcluir
  4. e quando chega na hora de fazer a movimentação, você conhece algum boot? to precisando

    ResponderExcluir

Qualquer forma de agressão, ofensas, desrespeito, discussões, preconceito racial, sexual, religioso ou ético, será banido. Somos jogadores de RPG, e não de futebol... E se você é Troll eu sou Elfo (Away)